5 músicas da minha infância

15 março 2016

A música tem um poder incrível em nós e, inevitavelmente, associamos canções a determinados momentos pelos quais passamos ou a épocas específicas da nossa vida. Curiosamente, sorrio sempre que penso nas músicas que da minha infância. Umas pela letra, outras pelos momentos que me vêem à memória. Por isso mesmo, quero partilho este momento convosco e apresento-vos, então, cinco músicas que carcaterizam a minha infância:




Shakira - Hips don't lie ft. Wyclef Jean. Esta é aquela que, provavelmente, mais raiva me deu na altura porque infelizmente me obrigavam a ouvi-la todos os dias. Depois das aulas, íamos todos para o que chamavamos de ATL para passar o resto do dia entre trabalhos de casa, filmes e danças. No entanto, havia uma menina que achava que um dia tinha de ser a Shakira e crescemos a ser massacrados com isso. Conseguem imaginar?


Rouge - Ragatanga ft. Las Ketchup. Esta foi daquelas músicas que nos faziam, literalmente, abanar o capacete, como se costuma dizer. Toda a gente conhece a coreografia. E aposto que marcou toda uma geração.


Luka - To nem ai. Tenho ideia que esta música passava numa novela qualquer, apesar de não me recordar qual. Já nessa altura as novelas não me cativavam, mas esta música, por algum motivo, fê-lo. Lembro-me perfeitamente de a cantar enquanto fazia gestos na tentativa de caracterizar o que ia dizendo. Oh, que belos tempos! Ainda hoje sei a letra todinha. 


Ricardo Chaves - É o bicho. Não me perguntem porquê, mas na minha casa havia um CD que tinha esta música e eu delirava, literalmente, com ela. Sei que aprendi algures a coreografia e, depois disso, passei tardes e tardes na minha sala a repeti-la até a minha mãe se cansar de a ouvir. Sim, ainda sei parte da coreografia.


James Blunt - You're beautiful. Oh, o James Blunt. O meu eterno e adorado James Blunt. Ouço-o desde pequena e, este álbum em particular, trás-me tantas e boas memórias. Lembro-me, como se fosse hoje, do dia em que o meu padrinho me ofereceu o CD e eu passei horas e horas a ouvi-lo. Ainda hoje sinto um carinho muito especial por ele e estas músicas continuam a fazer-me sorrir espontaneamente. 

6 comentários em "5 músicas da minha infância"
  1. Também me lembro de dançar ao som de Hips Don't Lie a tentar abanar a anca, de fazer a coreografia do bicho e do Asereje e de cantar a You're Beautiful como se fosse eu a ter tido um desgosto de amor :)

    ResponderEliminar
  2. Agora vou ficar com o Asserere na cabeça :D
    Todas as músicas fizeram parte da minha vida também. Adorei relembrar

    ResponderEliminar
  3. Wow as recordações que me vieram à cabeça! Ouvia todas es

    ResponderEliminar
  4. *Ouvia todas e ainda hoje as sei de cor :p

    ResponderEliminar
  5. São as mesmas musicas da minha infância (:

    ResponderEliminar